Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O conceito de sucesso que nos é incutido desde o berço é baseado no consumo, em ter mais que os outros e, acima de tudo, em todos acharem que têm o direito a tê-lo. Vivemos numa sociedade formatada para o consumismo. A vida de sucesso é-nos apresentada como tendo que ser uma sucessão de prazeres, e tudo o que esteja aquém deste objetivo inexistente é pouco. É uma sociedade de adultos infantilizados. O meu receio é que a gerações mais novas, cuja bitola se rege pelo que vêm nas “redes sociais” sejam ainda casos mais extremos deste conceito do que é ser-se feliz, profundamente perigoso a longo prazo para o bem-estar espiritual de cada um. Portanto, lembrar que a vida e a felicidade exigem sacrifício e dor, que nenhum de nós é especial nem o centro do universo e que o sentido da vida está em sabermos escolher aquilo por que queremos sofrer, em vez de ser escolher o que queremos ter, pode parecer demasiadamente óbvio mas talvez seja mesmo necessário. O título e a linguagem em que está escrito dão um ar leve ao texto, mas as questões são importantes.

 

No entanto, é tarefa inútil. Como aqueles vídeos ou textos inspiradores colocados nas a transmitir que a verdadeira vida está fora das “redes sociais”. Para quem os entende não são verdadeiramente úteis, para os outros, que concordam num aceno breve de admiração e os partilham de imediato com os seus “amigos” passando logo a atenção para os posts que se seguem e são de imediatos esquecidos.

 

Livro:  “A Arte Subtil de Saber Dizer que se F*da”,  Mark Manson (Desassossego)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



Mais sobre mim

foto do autor



Links

  •  

  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D