Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

rua do imaginário

Porque existe algo em vez do nada?

Porque existe algo em vez do nada?

rua do imaginário

21
Abr16

Influência da religião, uma visão idílica

Em “Religião para ateus” Alain de Botton faz o exercício de encontrar nas religiões as suas características que continuam a ser necessárias para um ateu, que não crendo na componente sobrenatural das religiões sente que há algo em falta numa sociedade que foi repentinamente estripada dos rituais e simbolismos com milhares de anos. Mas se há indubitavelmente necessidade de certos ritos, independentemente da crença no sobrenatural, Alain de Botton omite completamente nesta obra que há também consequências negativas da influência das religiões, não só historicamente como na sociedade atual.

 

Não fazer uma referência às consequências negativas da influências das religiões, numa obra que resgata para a sociedade secular o modus operandi de algumas religiões, parece constituir um certo branqueamento das consequências profundamente nefastas de algumas religiões, que foram e são responsáveis por grande parte do fanatismo, intolerância e violência da Humanidade. É certo que não seria o objetivo do livro uma análise da influência da religião na história e na sociedade moderna, mas ainda assim uma omissão total desse papel, que ainda hoje, e de forma muito violenta, se encontra presente no mundo, é uma falha. A ideia de uma sociedade secularizada, instruída e tolerante, que convive pacificamente com religiões e com o multi-culturalismo, é uma visão idílica e parcial, que poderá ser realidade em alguns sectores sociais de alguns países, mas que infelizmente não mapeia com a realidade da esmagadora maioria da população deste planeta.

 

Religião para ateus, Alain de Botton.jpg

Religião para ateus, Alain de Botton

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.