Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 É de facto mais confortável admitir que o nosso Imaginário e o Universo constituem realidades distintas. Mas não deixa de ser verdade, e cientificamente comprovado, que o nosso estado mental afeta o nosso estado físico. Por exemplo, sabe-se que as nossas emoções, a tristeza, a alegria, o amor, afetam a produção de determinadas hormonas pelo nosso corpo. Também se sabe que o físico afeta o mental, tal como o comprovam os medicamentos anti-depressivos, que com base unicamente no efeito de determinadas substâncias químicas conseguem afetar o nosso estado de espírito.

 

Desta forma pode ser incorreto dizer-se que o mundo do imaginário e o mundo do Universo pertencem a realidades diferentes, dado o facto que se interrelacionam de alguma forma. Mas não, não é aceitável admitir que tudo o que somos e sentimos, todo o nosso imaginário, imana unicamente e de forma determinista de uma conjugação física e determinista. O Imaginário e o Universo não podem ser a mesma realidade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor



Links

  •  

  • Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D