Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

rua do imaginário

Porque existe algo em vez do nada?

Porque existe algo em vez do nada?

rua do imaginário

22
Out15

O animal que soube levantar a cabeça do chão

Simultaneamente a Humanidade é capaz dos feitos mais extraordinários e dos atos mais miseráveis. E se há questão difícil de responder será esta: vale a pena gastar tanto (dinheiro, esforço, inteligência) para saber se há água em Marte quando, no nosso planeta, tanta gente sofre por não ter acesso a água potável?

 

Esta dúvida pode facilmente ser generalizada: deverá alguém perder tempo a escrever um poema quando há tantas crianças sem acesso à escola? Poderá justificar-se investir na pintura de uma obra de arte quando tanta gente não tem habitação condigna? Será justo investigir na investigação da cura do cancro quanto tantos morrem por falta de acesso aos medicamentos mais básicos?

 

Não creio que exista uma resposta fácil, mas a minha opinião é que a questão encerra em si uma falácia.

 

A falácia é que a premissa de que investir em ciência ou arte é estar a retirar recursos a quem sofre não é verdadeira. Em algumas situações será assim, mas a realidade nunca pode ser simplificada ao branco e ao preto, a vida acontece em infinitas cores. Foi a arte e a ciência que permitiu ao Homem levantar a cabeça do chão e sonhar com as estrelas. E foi com o sonho que o Homem evoluiu, cultural e tecnologicamente, evolução essa que nos permitiu um nível de vida e um conforto, apesar do sofrimento existe, que seria inimaginável para os nosso antepassados.

 

Sem aqueles que souberam olhar para as estrelas, que investiram esforço a tantar fazer algo nunca antes feito, hoje seríamos um animal caçador recoletor a viver em cavernas e acossado por animais selvagens. Hoje, bem ou mal, somos deuses que criam novas formas de vida e que viajam no espaço. O certo é que hoje se vive melhor que no passado graças a todos aqueles que souberam levantar a cabeça do chão e sonhar com as estrelas. Se somos mais felizes, essa é outra questão.

 

 

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.